White Label: Entenda O que é, Como funciona e 9 principais vantagens

O que é uma plataforma White Label?

O White Label é um conceito que está revolucionando o mercado e negócios dos mais diferentes portes e segmentos em todo mundo. 

Possivelmente, você já deve ter adquirido um produto ou serviço desenvolvido a partir dessa metodologia, mas nem soube disso. 

Para que possa entender, essa solução permite que uma organização insira sua própria marca,  identidade visual e outras personalizações em uma tecnologia totalmente pronta, criada por uma empresa terceira. 

Esse modelo de negócio gera uma série de vantagens para a companhia contratante. Que tal entender um pouco mais sobre esse conceito, que já é amplamente difundido no setor tecnológico? 

Vem com a gente e entenda do que se trata essa metodologia, como ela funciona e os principais benefícios ao adotar essa solução tecnológica no seu negócio. 

Leia também:
+ Conta Digital: O Que É, Como Funciona e Características!
+ Crédito ou Débito? Conheça os tipos de cartão do mercado
+ Por que utilizar uma plataforma mobile de serviços financeiros?

Entenda o que é White Label

banco digital white label: conceito e como funciona?

Uma plataforma White Label permite que uma empresa compre uma solução tecnológica pronta de uma organização, sem precisar investir esforços e dinheiro nesse desenvolvimento. 

Ao mesmo tempo, essa empresa contratante tem total liberdade para personalizar o produto ou serviço, incluindo sua própria marca e identidade visual

De maneira resumida, esse modelo de negócio White Label funciona como uma espécie de etiqueta branca, onde outras empresas podem usar a tecnologia como se elas mesmas tivessem desenvolvido.

Essa solução aplica-se à ferramentas tecnológicas, mas existem também empresas que comercializam produtos físicos com essa mesma proposta, como itens alimentícios, roupas e muito mais.

Franchising e White Label: entenda a diferença

Mesmo depois de entender o que é uma solução White Label, muitas pessoas ainda associam esse conceito com o modelo de negócios Franchising.

Entretanto, antes de avançarmos nesse assunto, é importante que você compreenda as principais diferenças entre esses dois conceitos amplamente difundidos no mercado tecnológico.

Diferente da modalidade White Label, que desenvolve um produto ou serviço adaptável para diferentes perfis de negócios, a franquia, conhecida como Franchising, depende de um contrato entre a empresa, dona da marca e o franqueado.

Nesse caso, a detentora da marca concede aos franqueados o uso de todos os recursos para a exploração comercial, além de todas as orientações para que o padrão da marca seja seguido à risca.

Na modalidade Franchising, o franqueador não tem autonomia para fazer qualquer alteração na identidade visual da marca ou nos processos e preços. 

Sem contar que é necessário ainda o pagamento de uma taxa inicial pelo uso do know-how e da marca e royalties. 

o modelo White Label oferece uma relação mais flexível, com autonomia e liberdade para que a empresa contratante possa personalizar a solução adquirida.

Saiba como funciona o Private Label

Como funciona o Private Label?
Como funciona o Private Label?

Como o próprio nome já diz, a plataforma Private Label é uma marca privada, onde uma companhia contrata o desenvolvimento exclusivo de um produto ou serviço de uma empresa terceira.

Dessa forma, o Private Label permite a utilização do produto ou serviço somente com o nome da sua marca, ou seja, a empresa que foi contratada para executar esse serviço não pode vender o produto para outras organizações. 

Esse formato de trabalho é muito interessante para as companhias que querem aumentar a margem de lucro de seus produtos ou serviços, já que os custos com o desenvolvimento ficam por conta da organização contratada. 

Como funciona o White Label

Conseguiu entender todo o conceito sobre White Label? Agora vamos nos aprofundar um pouco mais nos recursos da chamada “etiqueta branca”.

Para que esse assunto possa ficar totalmente esclarecido, muitas empresas que oferecem soluções de White Label, por exemplo, como a eWally permite que você possa escolher quais módulos quer utilizar na sua empresa, tornando a solução totalmente customizável e com a cara da sua marca. 

A nossa plataforma de Banking as a Service oferece todos os recursos para o desenvolvimento da sua própria solução financeira de forma rápida e personalizada

Disponibilizamos API como o onboard para a abertura de contas digitais e subcontas tanto de Pessoa Física quanto de Pessoa Jurídica. O nosso API de cobrança permite esse tipo de serviço via boleto, link de pagamento e cartão de débito. 

Você pode contar ainda com API’s para pagamento de tributos, contas e transparência nas modalidades TED e DOC entre contas

O que é uma plataforma White Label?

O que é uma plataforma White Label?
O que é uma plataforma White Label?

De maneira resumida, a plataforma White Label oferece um modelo de parceria para empresas que desejam ingressar no mundo digital ou na área tecnológica, mas não têm estrutura para desenvolver seus próprios produtos.

Essas plataformas comercializam soluções prontas e permitem que empresas de diferentes portes tenham a oportunidade de dar início a uma marca ou projeto com modelos “pré-prontos”.

A história e a evolução do modelo White Label

Os primeiros registros de um modelo de negócio com as mesmas características do White Label são datados do final da década de 1980, quando o gênero musical Hip Hop revolucionou o mercado musical, principalmente nos Estados Unidos. 

Na época, DJ’s usavam de maneira clandestina discos com hits populares para elaborar suas próprias versões, remixando e fazendo uma mistura de vários estilos e trechos de músicas. 

Devido ao sucesso dessa iniciativa, as gravadoras enxergam uma oportunidade para testar novas canções com baixo investimento. A partir daí, elas começaram a produzir discos com faixas brancas, dando origem ao White Label.

Ao longo dos anos, esse formato ganhou novas aplicações ao redor do mundo, sendo utilizado pelos mais diferentes segmentos. 

Na internet, esse termo se popularizou e ganhou maior adesão em 2001, quando uma empresa do varejo online começou a disponibilizar telefones para que outras organizações pudessem comercializar seus próprios produtos. 

A partir daí, essas iniciativas tornaram-se uma das soluções mais práticas e seguras para o desenvolvimento de tecnologias.

Por que investir em marca própria?

Por que investir em um white label franquia?

Muitos empresários fazem a seguinte pergunta: por que investir em marca própria  com uma White Label? 

A resposta é muito simples: esse modelo de negócio garante inúmeras vantagens, principalmente, quando o assunto é a redução de custos para a criação de produtos ou serviços com as mais diferentes propostas. 

Investir nesse tipo de solução é a certeza de contar com mão de obra qualificada, já que essas empresas possuem profissionais especializados em tecnologia da informação e que tem ampla experiência nesse setor. 

Sem contar o tempo gasto para desenvolver e entregar uma solução White Label é bem mais rápida. 

Entenda a diferença entre o White Label e o sistema de franquias

Nesse processo de aprendizagem de como fazer White Label, a semelhança com o sistema de franquia pode te confundir um pouco. Por isso, vamos te explicar as principais diferenças entre um conceito e outro. 

De maneira geral, uma franquia de negócio é um formato caracterizado pela existência de um contrato entre as partes, onde uma empresa, dona de uma marca ou patente utiliza um modelo de franquia para ampliar seus negócios

Neste formato, a franquia possibilita que os franqueados possam fazer uso dessa marca e explorar comercialmente produtos ou serviços, mediante ao pagamento de taxas ou comissões sobre o faturamento. 

Já o formato White Label estabelece uma relação mais flexível, permitindo que o contratante faça a personalização da solução adquirida, inserindo identidade visual e marca.

Conheça as 9 principais vantagens do modelo White Label

vantagens de investir na marca própria
Conheça 9 vantagens do modelo White Label

Ao adquirir uma solução white label seu negócio terá inúmeros benefícios nos mais diferentes aspectos. 

Mas para você ter ainda mais certeza que esse modelo de negócio é vantajoso para a sua empresa, selecionamos as 10 principais vantagens. Confira!

1 – Redução de custos

Como já falamos, o principal benefício ao adotar esse formato de negócios é, sem dúvida, o baixo custo para o desenvolvimento de produtos ou serviços. 

Isso porque, essas soluções tecnológicas são desenvolvidas sobre um código, que já é pré-construído, o que possibilita uma diminuição do tempo e também dos esforços para a execução e entrega do serviço contratado. 

Ao estabelecer parceria com uma plataforma white label, você dispensa a necessidade de contratar profissionais especializados, investir em estrutura, equipamentos e soluções tecnológicas

2 – Mão de obra especializada

As empresas que oferecem esse tipo de tecnologia possuem mão de obra especializada para a elaboração dos mais diversos produtos ou serviços. 

São profissionais que, consequentemente, têm know how para produzir as tecnologias mais adequadas para o seu modelo de negócio. 

3 – Otimização de processos e recursos

Com soluções White Label, sua empresa garante otimização de processos e recursos; afinal, parte do desenvolvimento da solução já está pronta.

Com isso, é possível conduzir processos muito mais ágeis, já que você não precisará esperar todas aquelas longas etapas que envolvem planejamento, execução, testes, finalizações, entre outros. 

4 – Garante o suporte necessário para sua a expansão

Além de desenvolverem soluções de alta qualidade, essas plataformas garantem também todo o suporte necessário para que você possa vender e usar seus produtos ou serviços de forma segura e eficiente.

Inclusive, você também não precisará se preocupar com a parte técnica da solução adquirida, já que uma plataforma White Label também será responsável pelas adequações, correções e atualizações, sem que precise dispensar tempo e recursos para esse trabalho. 

5 – Possibilita a agilidade na entrega de produtos e serviços

As plataformas White Label garantem muito mais agilidade e eficiência na entrega de produtos e serviços, uma vez que essas soluções já estão prontas, restando apenas algumas adaptações de acordo com a necessidade do seu perfil de negócios.  

6 – Marca própria: embalagens ou interfaces digitais personalizadas

Ao optar por esse formato de negócios, você poderá utilizar a sua marca própria nas embalagens e também em todas as interfaces da sua empresa de maneira personalizada e com seu conceito visual. 

E o melhor é que você não precisa pagar também direitos autorais, uma vez que essa solução tem um formato White Label.

7 – Ampliação da carteira de produtos

Com a parceria de uma empresa especializada, é possível ampliar ainda mais a carteira de produtos, já que o desenvolvimento será terceirizado e você terá a oportunidade de ter diferentes produtos sendo produzidos ao mesmo tempo. 

Isso possibilita, inclusive, o aumento de clientes e de vendas da sua empresa, uma vez que você terá uma oferta maior de itens a serem comercializados. 

8 – Liberdade para definir os preços na revenda

Ao fechar parceria com uma White Label é possível que a sua marca defina os valores praticados e também as formas de pagamento de acordo com o seu planejamento financeiro.

Nessa modalidade de negócios, essas plataformas não têm influência na definição de preços de vendas. 

9 – Diminui os riscos de implementação

Ao desenvolver produtos e serviços com uma organização especialista, você diminui as chances de riscos de implementação de produtos e serviços.

Isso acontece porque essas soluções são desenvolvidas por profissionais especializados, reduzindo a possibilidade de problemas ou divergências técnicas.

Dicas para ter sucesso com o modelo White Label

dicas para ter sucesso ao utilizar o modelo de plataforma white label
Dicas para ter sucesso ao utilizar o modelo de plataforma White Label

Para ter sucesso em uma solução White Label de pagamentos ou com qualquer outra proposta comercial, não deixe de verificar a reputação da empresa contratada. 

Nessa fase, faça consulta em sites, redes sociais, canais de reclamação e, se tiver oportunidade, converse com outras empresas que  adotaram soluções dessa organização. 

Lembre-se de registrar o acordo firmado ou a parceira com todas as informações necessárias, como prazos, custos, condições, proibições e por aí vai. 

Registre tudo em cartório para que sua empresa não tenha problemas judiciais por conta de algum possível desacordo. 

Outro ponto que deve ser considerado antes de colocar no mercado um produto ou serviço é fazer testes internos para que você possa ter certeza que a solução atende as expectativas do seu negócio

Se possível, faça o acompanhamento do processo de desenvolvimento do produto junto à plataforma White Label para ter certeza que o projeto está sendo seguido à risca. 

Paralelamente à criação da solução cuide de toda a parte visual com a elaboração de logotipos, rótulos e outros ícones para que haja uma identificação do público com a sua marca.

Conclusão

Agora que você entendeu o que é White Label, não deixe de levar em consideração todas as nossas dicas e recomendações ao fechar parceria com uma empresa desenvolvedora de soluções, independentemente da sua área de atuação. 

Na hora de encontrar produtos tecnológicos para sua companhia, conheça a Ewally, uma empresa que oferece, entre várias soluções, o Banking as a Service no modalidade White Label, permitindo que a sua empresa tenha um banco com marca própria.  

Venha conhecer tudo que a Ewally pode fazer para o seu negócio. Acesse o nosso site e saiba mais sobre os nossos serviços e produtos. 

Quer conhecer nossas soluções ou abrir o Seu Banco com a Sua Marca?

Compartilhe
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on google
Google+
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos mais lidos:

Confira outros artigos em nosso blog: